sábado, 13 de outubro de 2012

Os "Presentes" Do Meu Cão

A minha tia Júlia tem um barracão junto à fazenda dela, que fica atrás da minha casa. 

Ás vezes soltamos o cão, e como ela põe lá restos de comida para os gatos, ele vai lá rapar tudo. Vai lá comer e ainda deixa um presente... Os meus tios vêem sempre ralhar-nos a dizer que eles estão fartos de pisar porcaria do cão e que isto não pode ser.. Não é agradável, eu sei (e é sempre o meu pai que houve por nós ehehe). Nós tentamos que ele não vá para lá, mas às vezes é inevitável... Ela diz que as necessidades que ele faz, parece as necessidades de uma pessoa adulta!! Ao que o meu irmão responde: 
- "Oh ti Júlia, olhe que se calhar anda lá mesmo uma pessoa adulta a fazer as suas necessidades e você não sabe!!"

Acham mesmo que será só o meu cão que anda por lá? Ou andará também por lá uma pessoa adulta a fazer as suas necessidades?

P.S. - Adaptei os termos usados, pois os usados pela tia Júlia eram termos explícitos.

5 comentários:

patrícia disse...

Ahahahahahah, eu acho que é a tia Júlia que lá vai cagar e depois culpa o cão. Só mesmo para implicar xD

R disse...

Olha! :o Se calhar ahahah xD

Sufocada disse...

Parece-me um caso para um detective privado...
Quanto mistério ahah :)

Wendy disse...

Ahahah...Could be.
By the way, podes usar termos explícitos que falamos todos a mesma lingua ;)

R disse...

Sim é verdade Wendy... Mas há pessoas sensiveis e que se chocam facilmente que vêm aqui reclamar que o meu blog nao tem conteudo... :p